Hoje a noite tem Sessão Grav!

Agora, é a vez do diretor e roteirista chileno Raoul Ruiz.

Será exibido hoje o longa “Crônica da Inocência”, às 19h, no cemuni V. A entrada é franca!

Raoul Ruiz

Sua obra é marcada pelo experimentalismo e variedade de gêneros. Em “Crônica da Inocência”, Ruiz não permite que nos orientemos diante do que é mostrado. O filme conta a história de Camille, um garoto que acaba de completar nove anos. Ele resolve mostrar para sua mãe alguns vídeos que fez em casa, e diz que quer voltar para sua `verdadeira mãe´.  Sem saber o que se passa, sua mãe vai ao endereço que o filho indica e descobre que lá mora uma violonista, cujo filho falecido também completaria nove anos.

Ruiz escrevia peças de teatro na adolescencia, estudou Teologia, Direito e Documentário Social. Trabalhou reescrevendo seriados para a tv mexicana e chilena, e entrou no cinema por meio de cineclubes universitários. Fundou uma produtora em 68, e  após ligar-se ao socialismo produziu vários documentários políticos. Por sua ligação com Allende, foi exilado na França depois do golpe de 73.

Vale lembrar que o primeiro diretor do semestre foi Karim Aïnouz, e foram exibidos dois longas do diretor: Madame Satã e O Céu de Suely.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s